A Biblioteca Municipal Baptista Caetano D’Almeida foi a primeira biblioteca pública da província de Minas Gerais. Ela recebeu esse nome em homenagem a seu criador e principal incentivador, Baptista Caetano d’Almeida. O seu objetivo era promover a ilustração da vila, ele acreditava que a leitura era uma forma de construir uma sociedade mais digna.
 Em 1824 foram feitas as primeiras tentativas de inauguração, contudo, o Estado recusou-se a prover qualquer tipo de recurso para sua manutenção e/ou ampliação.  Então, apenas em 1827 que a biblioteca foi inaugurada, em uma das salas da Santa Casa da Misericórdia. No discurso de inauguração, o bibliotecário  recitou: “o estabelecimento de huá Biblioteca Publica em hum Paiz he sem duvida a primeira data da sua civilização”.
 Baptista Caetano manteve a Biblioteca até 1836 à suas custas. Apenas quando faleceu, 1838, que a instituição ficou sob os cuidados da municipalidade. Atualmente, a Biblioteca Municipal funciona em prédio próprio e é gerida por um grupo de ‘amantes dos livros’ que buscam promover a atualização, o aumento do acervo e a sua revitalização cultural.

Informações úteis

Localização

Urbana

Pontos de referência

Localizada próxima à Igreja de São Francisco de Assis.

Horário de funcionamento

Horário de funcionamento

Tipo de visita

Não guiada

Entrada

Franca

Atividades realizadas

A Biblioteca Municipal Batista Caetano D'Almeida é considerada a primeira Biblioteca Pública do Estado de Minas Gerais.
Foi fundada em 15 de Agosto de 1827, possui grande acervo de obras raras e populares.

Acessibilidade