Turismo em Minas Gerais | 10 Cachoeiras para renovar as energias

10 Cachoeiras para renovar as energias

Foto por: Pexels por Pixabay
Atualizado em: 02/10/2020

Qual a sua tradição para começar bem o ano?

Um dos rituais que muitos adotam é fazer uma lista de metas a serem alcançadas, com tudo aquilo que se prorrogou no ano que passou, como a prática de exercícios, diminuir a ansiedade e estresse, conhecer novos lugares, viajar mais, e por ai vai.

Se você é adepto dessas listas de desejos, muito provavelmente vamos te ajudar a alcançar as suas metas em 2020 sugerindo uma excelente simpatia: banhos de cachoeira. Simples, não? Conheça e tome aquele banho de cachoeira em Minas Gerais e comece seu ano mais relax e com a alma lavada!

Escolha alguma das opções que colocamos para ir com sua família, amigos ou mesmo sozinhx e tenha um ano mais divertido!

Cachoeira do Tabuleiro   Eleita uma das sete maravilhas da Estrada Real, a Cachoeira do Tabuleiro é a maior de Minas e 3ª maior cachoeira do Brasil. Localizada em Conceição do Mato Dentro, no Parque Natural Municipal do Tabuleiro que por sua vez está dentro do Parque Estadual da Serra do Intendente, a cachoeira não desaponta quem percorre os 3,6 km de trilha para chegar até o poço.

Foto: Acervo Secult MG - Xará

Complexo da Zilda Nossa dica é ir conhecer todas as cachoeiras desse complexo em Carrancas, composto por ótimas opções de quedas d’água ideais para banho e descanso. Lá existe uma prainha que não dá vontade de sair tão cedo, só ouvindo o barulho da água caindo.

Destaque também para o Escorregador natural da Zilda, uma pedra lisa de cerca de 6 metros, ideal para quem gosta de diversão nos passeios para crianças e adultos.

Foto: Acervo Secult MG - John Brandão

Cachoeiras Casca D’anta – A Cachoeira Casca D’Anta é a segunda maior cachoeira do estado, a maior queda do rio São Francisco e com certeza o maior atrativo do Parque Nacional Serra da Canastra. O acesso à parte baixa é super tranquilo, porém, o cenário é apenas de contemplação, já que o poço pode ter até 30m de profundidade e a água chega com bastante força ao poço. Mas o cenário e o vapor da água caindo já são revigorantes!

Foto: Acervo Secult MG - Xará

Cachoeira da Fumaça – Essa é uma das mais belas cachoeiras da região do Triângulo Mineiro, na cidade de Nova Ponte.  Com 43 m de queda, a Cachoeira da Fumaça é queridinha na região por aventureiros e amantes do rapel e cabo aéreo. 

Foto: Thiago Barreto

Cachoeira do Fundão – Uma das mais bonitas cachoeiras do Parque Nacional Serra da Canastra, um belo exemplo de natureza preservada. Recomenda-se que o trajeto seja realizado em veículo 4x4, acompanhado de um condutor. Todo o percurso é recompensador!

Foto: Acervo Secult MG - Hermerson Manoel

Cânion das Bandeirinhas – O cânion das Bandeirinhas está localizado no Parque Nacional Serra do Cipó e é formado por cachoeiras, cascatas e piscinas naturais super cristalinas. A trilha exige certo preparo físico, são cerca de 3 horas até esse local incrível. Prepare-se para tomar aquele banho de rio, cachoeira e ainda tirar muitas fotos.

Foto: Acervo Secult MG - Assessoria de Comunicação

Cachoeira do CriouloEsta linda cachoeira está dentro do Parque Estadual do Rio Preto, é uma das mais belas paisagens do parque. São cerca de 6,5 km de caminhada, o que requer algum preparo. Ali você poderá dar um mergulho refrescante com milhares de peixes, desfrutar da praia de água doce com área branca e um visual  fascinante.

Foto: Acervo Secult MG - Rafael Botelho

Cachoeira das Borboletas Está em São Tomé das Letras e possui fácil acesso. Além do banho de cachoeira, aproveite os quartzitos abundantes na região para tentar a sorte, já que reza a lenda que essa rocha tem poderes energéticos e de concretização de desejos. Por isso, os visitantes da região têm a tradição de empilhá-las e fazer seus pedidos, na expectativa de se realizarem quando a pilha se desfizer e for refeita por outro visitante.

Foto: Acervo Secult MG - Patrick Grosne

Cachoeira do Zé CarlinhosLocalizada na Serra da Gurita, em Delfinópolis, a bela Cachoeira do Zé Carlinhos tem praia e um grande poço com uma ilha de areia e pedras, ideais para se refrescar e relaxar.

Cachoeira Maria Augusta Uma das mais acolhedoras cachoeiras da região de São João Batista do Glória, com sua praia e queda d’água de fácil acesso, é ideal para brincar com as crianças na água.  

Foto: Acervo Secult MG - Hermeson Manoel

Minas tem tantas opções de cachoeiras espetaculares que fica até difícil escolher qual ir primeiro. Na dúvida, coloque como meta para 2020 a árdua tarefa de conhecer uma cachoeira por mês e percorra nosso estado. Sem risco de arrependimentos!

LEIA: Aventure-se no Destino Mantiqueira

 

Sobre o Autor

Júnia Gontijo Cândido

Turismóloga, apaixonada por livros, séries, rock'n'roll e vida ao ar livre (não necessariamente nessa ordem). Atua na Diretoria de Promoção e Mkt Turístico.

Comentários