Confira 6 experiências para viver na Semana Santa em Minas Gerais

21/03/2018

Foto:  Foto Renan Carvalhais - Acervo SETUR



Quem procura por destinos que reúnem paisagens inesquecíveis, gastronomia surpreendente, cultura local e muita hospitalidade, se identifica imediatamente com Minas Gerais. E é durante o feriado da Semana Santa que muitos turistas escolhem vir para cá para viver uma experiência completa.

Por aqui, milhares de pessoas, seja em busca de renovação espiritual, seja para conhecer as tradições culturais mais antigas do nosso estado, participam todos os anos das mais variadas programações especiais dos municípios.



A seguir, separamos alguns programas para conhecer na Semana Santa em Minas Gerais. Acompanhe!





Crucificação de Cristo no Adro dos Profetas – Congonhas

O clima fúnebre toma conta das ruas de Congonhas durante os primeiros dias da Semana Santa. As procissões ao som das matracas e instrumentos musicais das bandas retratam o cortejo de Jesus aprisionado e relembram as passagens bíblicas.

As encenações, que contam com mais de 200 atores, também fazem parte dos eventos religiosos. O ponto alto acontece na noite da Sexta-Feira da Paixão, na crucificação de Cristo no Adro dos Profetas, em um espetáculo emocionante.





Páscoa Iluminada – Araxá

Todos os anos, Araxá recebe a Páscoa Iluminada, um evento dedicado ao feriado religioso que conta com diversos espetáculos, atividades recreativas, shows, musicais e até um divertido baile de época com banda, dançarinos e performances.

A programação é destinada a todas as faixas etárias e transmite mensagens de paz, alegria e renovação no entorno de um dos principais patrimônios históricos do Brasil, o famoso Grande Hotel de Araxá.





Ofício das Trevas – São João del-Rei

Em São João del-Rei, além do clima colonial e religioso presente nas ruas e casas, é na Catedral Basílica de Nossa Senhora do Pilar que se encontra uma das tradições mais antigas do feriado na cidade: o Ofício das Trevas.

A celebração acontece na quarta-feira e reconta o sofrimento de Jesus através de orações, salmos e leituras. A cada salmo rezado, uma vela é apagada no candelabro triangular que fica sob o altar. Ao todo, 14 das 15 velas são apagadas e apenas a que fica mais ao centro é mantida acesa, representando a luz de Cristo.





Encenação da Sexta-Feira da Paixão – Diamantina

Em Diamantina, há várias celebrações tradicionais que evocam a paixão, morte e ressurreição de Cristo. A encenação da Via Sacra, a Procissão do Enterro, com a presença da Guarda Romana, e a Procissão do Santíssimo Sacramento são os destaques.

A representação da Sexta-Feira da Paixão é a que mais atrai turistas, pois o teatro conta com guardiões romanos e cerca de 300 participantes reproduzindo a Via Sacra num espetáculo gigantesco.





Procissão de Sexta-feira da Paixão – Sabará

É antes mesmo de o sol nascer que os fiéis são convidados a participar da tradicional procissão de Sexta-feira da Paixão em Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O ato de fé é marcado pelo som das matracas, que despertam os moradores por onde a procissão passa, como parte de uma tradição mantida há mais de 200 anos.

Vale a pena curtir a cidade até o final, pois na manhã do Domingo de Páscoa as ruas são enfeitadas com flores e colchas e toalhas coloridas surgem nas janelas dos sobrados.





Encenações litúrgicas nas escadarias das igrejas – Ouro Preto

A Semana Santa em Ouro Preto é considerada uma das mais tradicionais do Brasil. O cenário propício, que relembra a Paixão de Cristo, junto com solenidades históricas, atrai turistas do mundo inteiro.

Vários atos religiosos marcam as celebrações durante o feriado. As encenações litúrgicas nas escadarias e adros das igrejas, por exemplo, são atrações imperdíveis. O tradicional tapete, com cerca de 22 quilômetros, feito com serragem, borra de café, raspas de couro e afins também é outro passeio que não pode ficar de fora da sua viagem.





Vai passar a Semana Santa em Minas Gerais? Conta pra gente o seu roteiro!



 



 



 



Não há posts relacionados.