Turismo em Minas Gerais | Gosto de Minas: Bolinho de Chuva Recheado com Doce de Leite

Gosto de Minas: Bolinho de Chuva Recheado com Doce de Leite

Atualizado em: 25/09/2020

Nestes tempos em que estamos em casa, ir para a cozinha pode estimular a criatividade, além de se tornar uma deliciosa viagem, onde o destino pode ser nossas doces lembranças da infância, promovida pela memória que somente os cheiros e o paladar podem nos proporcionar.

A comida mineira tem uma infinidade dessas receitas, que só de pensar, enchem a boca e até os olhos d´água. Como aquelas que lembram infância, casa de vó, férias, pés descalços, banho de mangueira, cheiro de terra molhada, histórias do bicho papão, dia de chuva, céu estrelado, barriga cheia e tanta coisa pra lá de especial. 

Herança de Portugal, essa delícia começou a ser feita, da forma como conhecemos, em meados do século XIX, quando a farinha de trigo, que naquela época era conhecida como “farinha do reino” (por ser muito comum em Portugal e pouco comercializada aqui, pelo custo alto) ganhou vez no dia a dia da nossa cozinha. Antes disso, nossos  doces e bolos eram geralmente feitos com farinha de mandioca ou de cará.

Mas o bolinho de chuva, esse gosto de infância, ficou famoso mesmo por ser fácil de fazer e pelas histórias de Monteiro Lobato. Você lembra que era o doce predileto dos netos da Dona Benta durante as férias no “Sítio do Pica-Pau Amarelo”?

Vamos dar ainda mais mineiridade nessa receita, acrescentando um verdadeiro docin de leite. Essa receita vem da cozinha da Dona Lázara, uma junção do bolinho de chuva tradicional com o rei dos doces mineiros.  E aí? Já tá com água na boca? Lembrando da infância? Agora é hora de colocar a mão na massa. Anota essa delícia de receita e compartilhe o resultado com a família e com a gente no @visiteminasgerais.

Foto: Lazara Pereira.

Bolinho de Chuva com Doce de Leite

Ingredientes:

2 ovos;

1 xícara de leite;

1 xícara de açúcar;

3 xícaras de farinha;

1 colher de fermento;

Açúcar e canela;

Doce de leite;

Modo de Preparo

Em uma tigela, coloque os ovos e mexa um pouco. Em seguida adicione o leite e o açúcar. Siga misturando. Adicione aos poucos a farinha de trigo e misture. Acrescente o fermento e observe a massa, ela ganha consistência, mas ainda assim fica soltando da colher. A massa do bolinho de chuva não é uma massa de enrolar, ela é pingada na gordura. Quanto mais consistente a massa, mais parecidos vão ficar os bolinhos. Pingue a massa com a colher dentro do óleo quente e frite os bolinhos até dourar. Após dourados, escorrer em papel toalha para deixar sequinho.

Em uma vasilha separada, misturar açúcar e canela para “empanar” os bolinhos.

Após isso é só passar aquele doce de leite delicioso e saborear a vontade!

 

Comentários