Foto: Sérgio Mourão

Quem conhece Araxá se encanta pelas termas terapêuticas, pelos banhos de lama, pelas belezas naturais, pelo clima romântico, pela importância histórica e pelas recordações vividas por seus personagens ilustres. Araxá é assim: um lugar onde bem estar e romance se entrelaçam com muita harmonia. Aliás, harmonia é uma palavra que traduz muito bem o estado de espírito de quem vem passar uns dias aqui.

Por onde você vai passar

Como dividir sua viagem

Dia 1

Pela manhã, passeio por Araxá com visita ao Museu Calmon Barreto e à fábrica de sabonetes de lama. À tarde, visita ao alambique, à Igreja Matriz de São Sebastião e ao Museu Histórico Dona Beja. À noite, a opção é tradicionalmente mineira, ir de bar em bar para se deliciar com tira-gostos que remetem à boa culinária e à hospitalidade mineira.

Dia 2

Visita à Árvore dos Enforcados e ao Mirante do Cristo. Depois, visita ao Complexo Hidromineral do Barreiro, à Fonte de Dona Beja e à água sulfurosa da Fonte Andrade. À noite, visita à Casa do Caminho, que foi fundada em 1980 com o objetivo de desenvolver um trabalho de orientação espiritual para a comunidade de Araxá.

Dia 3

Caminhada no centro da cidade pelos pequenos estabelecimentos comerciais que produzem saborosas quitandas mineiras artesanais, como pão de queijo, biscoitos, broas, goiabadas, doces, entre outros. Após o almoço, um momento voltado para a saúde e beleza nas Termas de Araxá, que oferecem opções para o relaxamento e estética para o corpo e para a mente. No final do dia banhos diversos e piscina emanatória.
Opção: no período de Páscoa, Araxá recebe o maior evento temático da Páscoa no Brasil: a Páscoa Iluminada. Com muita luz em espelhos d’água, música e fogos de artifício, o evento atrai e encanta gente de todas as idades para aproveitar os diversos espetáculos inesquecíveis que o compõem.

Atrações para você visitar