Foto: Clodoaudo Costa

    As incursões dos bandeirantes pelos sertões das Gerais beneficiaram a região do Planalto Mineiro, onde se localiza o município. A ocupação do território ocorreu por volta de 1853, por Inácio da Costa Rezende e sua esposa Rosa Maria, proprietários da Fazenda Cachoeira. Estes doaram terrenos para a construção de uma capela, que foi erguida à margem direita do rio Sapucaí-Mirim e dedicada a São João Batista. Nasceu assim a povoação com o nome de São João Batista das Cachoeiras.

    Em 1º de janeiro de 1854, inaugurou-se a capela construída pelos fundadores, Inácio da Costa Rezende e Rosa Maria, com a celebração da primeira missa pelo Cônego João Dias de Quadros Aranha. A exploração agrícola assumiu o comando da economia da comunidade, que, na época, desenvolveu-se consideravelmente. Subordinada à Paraisópolis, em 1923 foi elevada à categoria de vila, com sede na povoação de São João Batista das Cachoeiras e denominação de Cachoeiras, desmembrando-se de Paraisópolis. Em 1º de junho de 1924 instalou-se como município de Cachoeira de Minas.

 

Ver mais