Turismo em Minas Gerais | Travessia Serra Fina

Montanero Expedições

Rua Barbosa de Resende, 142 - Grajaú
(31) 99107-5305 (31) 99107-5305

Descrição

A Serra Fina vem se consolidando como uma das principais travessias de montanha no Brasil. E não é por menos, com mais de 2mil metros de desnível acumulado, o ambiente hostil com noites frias e dias quentes aumentam o desafio de transpor suas cristas. Situada na tríplice divisa entre os estados de MG, SP e RJ, sustenta longos trechos de trekking próximos da cota de 2.500m, incluindo a Pedra da Mina, 4° pico mais alto do país com 2.798m de altitude. Suas trilhas são técnicas e seus pontos de acampamento são estrategicamente posicionados nos cumes ou ao seu redor, tendo sempre um visual incrível e diferente a cada dia. No formato de expedição LEAVE NO TRACE, a proposta se torna ainda mais ousada. Planejada com grupos de tamanho reduzido e em caráter autossuficiente, cada participante deve estar apto a manejar e levar seus equipamentos e suprimentos para a permanência na montanha. Mas não se preocupe, todo o cardápio para uma alimentação funcional, logística operacional e tomada de decisão durante a travessia continua sendo um serviço diferenciado oferecido pela nossa equipe de guias locais.

Saída: Diária

2 a 4 pessoas

Serviços disponibilizados

# 1 noite em Pousada c/ café da manhã # Transfer in-out montanha em carro 4x4 # Alimentação integral na montanha (café, almoço e jantar quente) # Barracas duplas para pernoite # Tralhas de Cozinha # Guias Montanero # Equipamentos de segurança # Quarto em pousada para banho no final da expedição # Seguro contra Acidentes Pessoais # Rastreamento via satélite SPOTGen3

Duração: 5 dias

  • Dia 1

    Deslocamento da cidade de origem até a cidade de Itanhandu ou Passa Quatro/MG. Transfer da rodoviária para pousada se necessário. Pernoite em acomodação coletiva. Jantar não incluso.
  • Dia 2

    Após café da manhã, transfer de 40min aproximadamente até o início da trilha na Toca do Lobo. Logo de cara a Serra Fina já apresenta seu cartão de visita, a dura subida para alcançar o Alto Capim Amarelo, exigindo muito esforço dos trekkers para vencer os quase mil metros de desnível e virar seu cume a 2.392m de altitude. Será o primeiro teste antes de adentrarmos pelos imensos vales e cristas mais remotos da Serra da Mantiqueira. Pra completar o almoço será servido no cume e depois segue em ritmo moderado até chegar na área de camping do Maracanã. Pernoite em Barracas, jantar quente.
  • Dia 3

    Depois do café servido, as primeiras horas do dia são dedicadas a subida da crista do Melano, dropando suas cumeadas até chegarmos à base na face oeste da Pedra da Mina, de onde faremos o ataque ao 4° mais alto pico do Brasil com 2.798m de altitude. Do alto de toda a Serra da Mantiqueira teremos o privilégio de contemplar o pôr do sol e visuais de 360° que impressionam pela imensidão do horizonte. A noite é sempre uma experiência gastronômica a parte. Na barraca refeitório todos se juntam como podem para compartilhar uma autêntica comida de montanha feita na hora, com produtos locais e participação de todos. Pernoite em barracas, jantar quente.
  • Dia 4

    O terceiro dia de trekking tem pela frente a conquista de mais um cume de forte expressão, o Pico dos 3 Estados (2.665m), que reúne três cristas distintas, cada uma vertente para um estado, fazendo assim uma tríplice fronteira entre MG, SP e RJ. Mas antes de conquistar o ponto culminante do trecho, faremos uma parada estratégica no topo da crista do Cupim de Boi, de onde se tem visão privilegiada das pitorescas formações rochosas do Parque Nacional do Itatiaia, entre elas a Serra das Prateleiras, o Pico das Agulhas Negras e o Morro do Couto. Pernoite em Barracas, jantar quente.
  • Dia 5

    Amanhecer no Pico dos 3 Estados é sempre uma surpresa, exceto pela certeza de fortes correntes de vento que nos despertam para o último dia de travessia. Após o café e desfazer o acampamento, é hora de marchar pelo Alto dos Ivos, sem aclives tão acentuados e longos como os dias anteriores. Ainda sim o trajeto nos reserva muita serra, mata e campos de altitude. O trecho final perde bastante altitude até chegar ao Sitio do Pierre onde o transfer estará a nossa espera. Iremos para uma pousada para banho antes do retorno pra casa.

Por onde você vai passar